Sobre

DA FUNDAÇÃO

O Instituto de Estudos Albergaria – IDEAL, foi criado por iniciativa de notários e registradores, titulares e prepostos, da Região dos Lagos, estado do Rio de Janeiro, como resultado de antigo anseio, e mediante incentivo do seu patrono, Dr. Antonio Albergaria Pereira (in memoriam), de se criar em cada comarca uma biblioteca e um centro de estudos de direito notarial e registral, cuja proposta veio a público através do Boletim Cartorário, integrante da Revista Diário das Leis Imobiliário, 2º Decêndio Julho/2007, nº 20, pág. 33.

Em 31 de dezembro de 2007, em Assembléia Geral realizada no 1º Ofício de Cabo Frio, os cartorários Valestan Milhomem da Costa, Valmir Gonçalves da Silva, Renato Luiz Gonçalves Cabo, Dario Paulo de Sousa Junior e Luiz Henrique Bittencourt criaram o Instituto de Estudos Notariais e Registrais – Tabelião Antonio Albergaria Pereira, que adota a denominação simplificada de Instituto de Estudos Albergaria - IDEAL.

DA ESCOLHA DO NOME

A escolha do nome do Dr. Antonio Albergaria Pereira para identificar o Instituto justifica-se por ter sido ele o mais destacado incentivador do estudo do Direito Notarial e Registral no Brasil, seja fomentando inúmeras questões para estudo e discussão, seja valorizando os esforços dos cartorários estudiosos, sobretudo daqueles que publicam o resultado dos seus estudos em benefício da classe. Para esses, instituiu, em 1996, o “Diploma de Serventuário de Justiça Padrão do Ano”, como público reconhecimento.

Também contribuíram a credibilidade, o prestígio, o respeito e a seriedade que emanam da referência ao nome Antonio Albergaria Pereira, o mais premiado cartorário brasileiro em vida, havendo recebido do IRIB – Instituto de Registro Imobiliário do Brasil, a medalha “Júlio Chagas”; do Colégio Notarial do Brasil, Seção São Paulo, o título “Tabelião Honorário”; da SERJUS – Associação dos Serventuários da Justiça do Estado de Minas Gerais, a criação da comenda “Tabelião Antonio Albergaria”.

Ademais, publicou obras, como “O Que Você Deve Saber sobre Escrituras em Cartório”; “Pública Forma no Direito Notarial”; “A Constituição Coragem e o Notariado Brasileiro”; “Comentários à Lei nº 8.935 – Serviços Notariais e Registrais”; “Minha Vivência no Notariado Paulista” e “Serviços Notariais Vinculados aos Registros Imobiliários – Teoria e Prática”, e centenas de artigos, sempre voltados para a promoção e defesa dos serviços notariais e registrais.

Para utilização do seu nome, Dr. Antonio Albergaria Pereira concedeu ao IDEAL expressa autorização escrita, a qual constitui um dos mais valiosos acervos do IDEAL.

DOS OBJETIVOS

Em sintonia com os ideais do seu patrono, o IDEAL tem por objetivos:

a) Promover o estudo de temas relacionados ao direito notarial e registral;

b) Manter uma biblioteca com ênfase em temas do direito notarial e registral;

c) Difundir para a sociedade, sobretudo para profissionais do direito, a relevância e a segurança jurídica dos serviços cartorários;

d) Integrar cartorários.